Secção Agrícola

Secção Agrícola
agricola@mingamontemor.pt

A missão da Secção Agrícola é fazer chegar à população, a preços acessíveis, comida fresca, nutritiva e de qualidade, produzida através de métodos de cultivo e processamento de mínimo impacto ambiental. O principal objectivo é promover e apoiar o escoamento da produção dos pequenos agricultores do concelho que utilizam práticas ecológicas, quer pela criação de canais de escoamento colectivo – a Loja da Minga, as bancas no Mercado Municipal, o fornecimento à restauração colectiva e a presença em feiras na região – quer facilitando recursos partilhados a baixo custo (carrinho a frio, compra colectiva de plantas, etc.).

A Secção pretende ainda:

  • promover, recuperar e aperfeiçoar o conhecimento necessário para implementar mecanismos de cultivo ecológica e economicamente sustentáveis;
  • criar sistemas de transformação de excedentes agrícolas em produtos transformados para consumo.

 

O Regulamento Interno da Secção Agrícola pode ser consultado aqui.

A Secção Agrícola dispõe de uma carrinha frigorífica que pode ser alugada.

Notícias recentes sobre agricultura & hortas

Lançamento do Almanaque Agroflorestal Plantei.eu

Na próxima sexta-feira 31 de Janeiro vamos lançar o almanaque florestal Plantei.eu. O foco deste almanaque é a criação e conservação de zonas de floresta autóctone, a recuperação de paisagens e ecossistemas e a produção alimentar em ambientes ricos em vida. O programa inclui uma conversa sobre o solo e a apresentação de uma exposição de aguarela de Miguel Schreck, que ilustrou este almanaque. Tudo seguido de jantar pela Cantina do Mambo. Nas Oficinas do Convento, às 18h30

Prémio Newbie 2019

Está aberta uma nova edição do Prémio Newbie para novos empresários agrícolas no Alentejo. Este prémio é promovido dentro do contexto do Projecto Europeu Newbie, coordenado pelo ICAAM (Universidade de Évora), e tem por objectivo premiar modelos inovadores de negócios agrícolas que conseguem ultrapassar as barreiras com que novos empresários agrícolas se deparam.

Realimentar em Montemor-o-Novo

Realiza-se no dia 18 de Outubro uma sessão de informação e discussão sobre a alimentação, organizada pela Realimentar (Rede Portuguesa pela Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional) e a Marca ADL. O programa tem início às 11h, e inclui apresentações da Rede Realimentar, da publicação anual do Observatório dos Direitos Humanos à Alimentação, e da Campanha nacional “Alimentação é direito!”.

Implementação de uma rede alimentar local

A Divercrop, um projecto de investigação internacional dinamizado desde a Universidade de Évora, organiza uma sessão participativa dedicada às redes alimentares locais. É já amanhã (4 de Outubro), em Mértola. O objectivo é criar uma plataforma de diálogo sobre a dinâmica dos sistemas agrícolas nos municípios de Alcoutim, Mértola e Serpa. O programa inclui uma apresentação da Cooperativa Integral Minga por Jorge Gonçalves. Mais informação aqui.

Legislação, agricultura e alimentação

A Ana Fonseca, Ana Rita Sanches e Teresa Pinto Correia, da Universidade de Évora, escreveram o seguinte texto para a Folha de Montemor sobre o Estatuto da Agricultura Familiar e legislação relativa à restauração colectiva, aprovados nos últimos meses. Estas leis podem vir a ter impactos positivos nos sistemas alimentares locais, promovendo a economia circular e circuitos curtos de abastecimento na alimentação, e nomeadamente nas cantinas públicas. Pela importância do tema arquivamos aqui este texto.

Reunião de produtores e fornecedores de hortícolas da Minga

No dia 9 de Maio a Minga convida agricultores, horticultores e outros interessados para falar de possíveis novos canais de escoamento e planear a produção da próxima temporada. Esta reunião é aberta a interessados, mesmo que ainda não associados. Procuramos produtores do concelho que produzam hortícolas, frutas, leguminosas, cereais ou outros produtos alimentares.